Instituto Embarque

O Instituto Embarque trabalha em Paraisópolis, maior comunidade de São Paulo, apoiando jovens na realização do sonho de entrar na universidade.

Sobre a ONG

O Instituto Embarque é uma organização não governamental que atua na comunidade de Paraisópolis, dentro do bairro do Morumbi, região nobre da cidade de São Paulo, e se espraia no meio de edifícios e comércios de alto padrão na capital do Estado de São Paulo.

A questão educacional é crítica na comunidade de Paraisópolis.

Em 2005, por meio de um projeto de urbanização da prefeitura municipal e contando com o apoio de dados da SEHAB, "descobriu-se" que a comunidade tinha 15 mil analfabetos — cerca de 19% da sua população. Em 2008, havia ainda 5.000 crianças fora da escola; outros dados indicam que 54% da população da área possuía apenas o ensino fundamental, e só 7% ingressou no ensino do terceiro grau (Datafolha, 2007). Apenas 3% da população tem Ensino Superior completo. A média dos anos de escolaridade do responsável pelo domicílio é estimada em 5,4 anos — consideravelmente menor do que a média no município, que é de 8,6 anos.

Esses dados não só revelam a baixa escolaridade, como também expõem uma série de questões que estão diretamente ligadas a este problema, tais como desemprego, violência e gravidez na adolescência — o bairro de Vila Andrade, onde Paraisópolis está localizada, possui uma das maiores taxas de gravidez na adolescência da capital: 11,45 por 100.000 habitantes (a título de comparação, a taxa no bairro de Perdizes é 1,82).

Diante das diferenças econômicas e educacionais existentes, cursar uma faculdade torna-se um sonho quase impossível para quem mora em Paraisópolis.

O Instituto Embarque é uma evolução do Projeto Chance, que iniciou suas atividades em Paraisópolis em 2008, com o programa Chance Nos Vestibulares. Entendemos que, sem educação, não há crescimento e nem mudanças. Assim, para tentar diminuir esses déficits educacionais, promovemos um cursinho preparatório gratuito para o Enem e vestibular, que tem como objetivo incluir jovens e adultos de baixa renda nas universidades públicas e privadas do Brasil. Com esse trabalho, já conseguimos ajudar alunos a ingressarem em instituições como USP, UNESP, UNIFESP, UFABC, FATEC, UFPB, UFFS, FEI, PUC, Mackenzie, Anhembi Morumbi, entre outras.

Além do cursinho preparatório Projeto Chance, promovemos a Sala de Embarque, cujo objetivo é preencher lacunas na formação básica de jovens em Português e Matemática — que representam o maior entrave à compreensão de conteúdos novos em todas as disciplinas do Ensino Médio.

Temos orgulho de trabalhar como agentes de transformação social por meio da educação!